Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil


29 de agosto aniversário de Bezerra de Menezes

Agosto é lembrado nas lides espíritas como o ?mês de Bezerra de Menezes?, nascido aos 29/8/1831. Este vulto luminar legou-nos nobres exemplos de vida.

A FEB Editora publica várias obras de Bezerra, escritas como encarnado e desencarnado. Dispõe de uma obra que reúne mensagens de Bezerra, principalmente, as psicofonias de Divaldo Pereira Franco ocorridas durante o Conselho Federativo Nacional da FEB: Bezerra de Menezes, ontem e hoje. Há muitos livros sobre o vulto. Recentemente, Jorge Damas Martins lançou oportuno livro intitulado Bezerra de Menezes e Chico Xavier. O médico e o médium. Uma pesquisa de leitura agradável que destaca interessantes relações entre os dois vultos.

As mensagens espirituais de Bezerra se constituem em roteiro para o Movimento Espírita. Haja vista o texto ?Unificação? (Psicografia de Francisco Cândido Xavier, em reunião da Comunhão Espírita Cristã, em 20-04-1963, em Uberaba). Esta mensagem foi estudada no livro Orientação aos órgãos de unificação1, grifando-se as palavras chaves das sentenças. No capítulo seguinte estas palavras chaves foram trabalhadas com a inserção de frases de apoio correlatas. Há trechos marcantes:

?O serviço da unificação e nossas fileiras é urgente mas não apressado. Uma afirmativa parece destruir a outra. Mas não é assim. É urgente porque define o objetivo a que devemos todos visar; mas não apressado, porquanto não nos compete violentar consciência alguma. [...] Nenhuma hostilidade recíproca, nenhum desapreço a quem quer que seja. Acontece, porém, que temos necessidade de preservar os fundamentos espíritas, honrá-los e sublimá-los, senão acabaremos estranhos uns aos outros, ou então cadaverizados em arregimentações que nos mutilarão os melhores anseios, convertendo-nos o movimento de libertação numa seita estanque, encarcerada em novas interpretações e teologias, que nos acomodariam nas conveniências do plano inferior e nos afastariam da Verdade.?

Essa publicação da FEB foi elaborada durante os 60 anos do ?Pacto Áureo?, como fruto de elaboração coletiva do Conselho Federativo Nacional da FEB.

E já estamos atingindo os 65 anos do ?Pacto Áureo?, no próximo dia 5 de outubro!1,2

Na mesma publicação citada há marcante colocação de Emmanuel (psicografia de Francisco Cândido Xavier, no dia 14/9/1948, em Pedro Leopoldo) que relaciona os momentos críticos que vivemos no cenário de nosso orbe e o papel que os espíritas podemos exercer com o potencial do ?Consolador Prometido?:

?O mundo conturbado pede, efetivamente, ação transformadora. Conscientes, porém, de que se faz impraticável a redenção do Todo, sem o burilamento das partes, unamo-nos no mesmo roteiro de amor, trabalho, auxílio, educação, solidariedade, valor e sacrifício que caracterizou a atitude do Cristo em comunhão com os homens, servindo e esperando o futuro, em seu exemplo de abnegação, para que todos sejamos um, em sintonia sublime com os desígnios do Supremo Senhor.?1

No contexto dos 65 anos do ?Pacto Áureo? as colocações de Bezerra e Emmanuel devem servir de reflexões para nossas ações e projetos no Movimento Espírita!

    Fonte: Antonio Cesar Perri de Carvalho
    Foto: Divulgação
    Edição: Walter F. Fontenele / Portalphb
    Postada dia 28/08/2014 às 10:46