Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil


Roth critica arbitragem e diz que jogo foi ``armado para o Palmeiras vencer``

Para treinador do Coritiba, árbitro inverteu faltas, não teve critério e foi
condescendente para que resultado melhorasse situação no time paulista


O técnico do Coritiba, Celso Roth, não poupou o árbitro André Gomes da Penha na derrota por 1 a 0 para o Palmeiras na noite deste sábado, no Pacaembu. Com palavras duras, criticou os critérios da arbitragem e disse que a partida foi ``armada`` para que o time paulista vencesse, melhorando o clima no clube e evitando assim que o técnico Ricardo Gareca fosse embora ? na última semana, o treinador argentino disse que, em caso de nova derrota alviverde, pediria demissão

Roth se irritou com a arbitragem desde os primeiros momentos do jogo, reclamando muito à beira do gramado do Pacaembu. O técnico chegou a receber advertência do quarto árbitro e também do próprio juiz. Segundo ele, Penha deixou de marcar faltas para o Coritiba e em outras situações do jogo tomou decisões em prol do Palmeiras.

? Sabíamos de tudo, da arbitragem que ia nos prejudicar. Tivemos de novo uma boa atuação, poderíamos ter feito gol no segundo tempo, mas não fizemos. E o Palmeiras, depois de dez jogos sem vencer, esquematizou tudo para vencer e conseguiu o que queria ? disse em entrevista coletiva após a partida.


O Coritiba teve a expulsão de Leandro Almeida no fim do primeiro tempo, depois de um carrinho do zagueiro no jogador Mouche. Roth admitiu que houve falta e a necessidade de punição do jogador, mas reclamou que outros lances semelhantes ocorreram pelo lado palmeirense, mas que não houve a mesma punição.

? Sabíamos que a arbitragem seria desse jeito. Vocês viram o que ele fez no primeiro tempo. Não que a expulsão do Leandro não foi justa, mas o critério que ele usou foi complicado. Por um lado uma coisa, por outro lado outra.

Quando questionado sobre se teria um limite de derrotas para deixar o Coritiba, como Gareca chegou a dizer antes da partida, Roth voltou a falar que o jogo foi armado. Para ele, o resultado foi esquematizado para que o técnico argentino não deixasse o Palmeiras.


? Não tenho nada a ver com Gareca. Inclusive, armaram tudo para ele ficar. A arbitragem foi uma vergonha. O Palmeiras ganhou irritando os nossos jogadores, (com o árbitro) invertendo faltas, distribuindo cartões amarelos à revelia. O nosso querido árbitro estava condescendente com o Gareca.

O Coritiba volta a campo pelo Brasileiro no próximo domingo, contra o Atlético-MG, no Couto Pereira. Antes disso, recebe o Flamengo, na quarta-feira, pela Copa do Brasil, na primeira partida das oitavas de final.

    Fonte: GloboEsporte.com
    Foto: Marcos Ribolli
    Edição: Walter F. Fontenele / Portalphb
    Postada dia 24/08/2014 às 10:43