Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil


Seis atletas do Bota tomam ciência de que não receberão salário; clima piora

Após problemas com "burocracia", restante do elenco deve receber até esta quarta um mês de salário na carteira, verba conseguida pelo sindicato na última sexta-feira

Havia a expectativa de que os jogadores do Botafogo recebessem nesta terça-feira, no treinamento, cheques com o pagamento referente a um mês de salário na carteira de trabalho, a partir da verba de R$ 2,5 milhões conseguida por meio de uma ação do Sindeclubes. A expectativa, no entanto, foi frustrada. Pior. A diretoria informou que seis atletas vão ficar sem o dinheiro sob a justificativa de que o montante não é suficiente para pagar todos os funcionários e elenco.

Os escolhidos, com o critério - pouco aceito - de terem entre salários entre mais altos na carteira, foram Lucas, Marcelo Mattos, Bolívar, André Bahia, Tanque Ferreyra e Bolatti. O clima, que já era ruim por causa da crise financeira e pela entrada na zona de rebaixamento, está ainda pior. Alguns atletas chegaram a dizer que, se o pagamento não fosse para todos, que preferiam não receber.

A diretoria, no entanto, disse que ainda fará uma tentativa com investidores para conseguir dinheiro para o pagamento destes seis atletas, que já conversaram com o técnico Vagner Mancini e externaram a insatisfação. Ficará a cargo do treinador avaliar se vale a pena escalá-los no clássico com o Fluminense, domingo, em Brasília.

A sensação de revolta aumenta a cada problema e deixou ainda mais triste o dia do aniversário de 110 anos do futebol alvinegro. Fato parecido já havia acontecido na semana passada, quando investidores e torcedores ilustres pagaram um mês de salário apenas a Dória e Gabriel para que ambos não completassem atraso de três meses na carteira. O restante do elenco cobrou explicações do gerente de futebol Gottardo em uma reunião no gramado.

A explicação para a verba de R$ 2,5 milhões conseguida na sexta-feira ainda não ter entrado na conta dos jogadores é a "burocracia da confecção e distribuição de quase 500 cheques" (entre funcionários e atletas), que teriam ido para General Severiano. A promessa é de que tudo será solucionado até esta quarta. Menos para Lucas, Marcelo Mattos, Bolívar, André Bahia, Tanque Ferreyra e Bolatti.


Pouco depois de os jogadores saberem que nem todos receberiam, o Botafogo anunciou que o treino previsto para a parte da manhã desta quarta-feira foi cancelado. Inicialmente, o grupo trabalharia em dois períodos. No entanto, apenas a atividade da parte da tarde está mantida.

    Fonte: Globoesporte.com
    Foto: Marcelo Cortes
    Edição: Walter F. Fontenele / Portalph
    Postada dia 12/08/2014 às 21:55