Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil


Vídeo revelaria suposto envolvimento de Wilson Martins com fraudes no Interpi

O Capital Teresina teve acesso a um material que revelaria um suposto envolvimento do governador Wilson Martins com fraudes que estariam ocorrendo no Instituto de Terras do Piauí - Interpi.

O trecho da gravação tem duração de 3"49" e foi feita numa fazenda da região dos Cerrados piauienses.

O relato expõe as fragilidades do Interpi e demonstra um esquema de venda de títulos de terras sem a existência real e física das áreas agrárias, inclusive com titulação sobreposta em locais onde já existem donos.

Na gravação aparece uma pessoa de nome Orlando Torres que, segundo informações, tem fortes ligações dentro do Instituto de Terras do Piauí, inclusive com o atual diretor do órgão Tadeu Maia. Orlando funcionaria como uma espécie de "corretor", intermediando negócios entre o Interpi, pessoas que receberam títulos de terras e possíveis compradores.

É possível ver no vídeo que Orlando Torres portava, em uma pasta, títulos de terras já assinados pelo governador Wilson Martins. Ele demonstra ter conhecimento e fortes relacionamentos no Interpi.

Confira os principais trechos da gravação

Interlocutor: "Eu não sou especialista mas entendi que toda essa área aqui é documentada e tem uma sobreposição de títulos emitidos pelo governador em cima de toda a área documentada e que ele está propondo que você leve ao conselho lá uma compra de papel pura e simplesmente… Como é que sabe que foi o governador que assinou esse título? Como diz um amigo meu, não foi emitido num açougue não?"

Orlando: "...esse daqui com a planície é título, entendeu? Publicado no Diário Oficial…

Interlocutor: "Como é o nome do governador do Piauí?",

Orlando: "Wilson Martins"

Interlocutor: "Ele que assinou esses títulos?",

Orlando: "Ele que assinou".


Governador teria facilitado terras para correligionário do PSB e políticos do Paraná

Interlocutor principal: "...ele não vai jogar esse documento em cima de terra documentada ou vai jogar em cima de processo, é feito desse jeito?"

Orlando: "Deixa eu lhe explicar, nessas duas aqui para entendermos melhor, através do Miguelão, por uma conveniência política, ele [governador] chegou lá e autorizou: emite os títulos do Miguelão! Lá onde o Estado tem a área livre, foi emitido, pronto. A dos trabalhistas aqui, que são 2 mil hectares fora do perímetro que ele [governador] mandou levantar, o Estado mandou levantar os 60 mil preservados e os 8 mil como tá aqui fora no perímetro, ele [governador] mandou. Ele [governador] tem um compromisso com um deputado ‘Zorik’, do Paraná, o senador Osmar não sei quem lá, tô falando o nome aqui pra saber… ele [governador] foi quem determinou que fossem emitidos esses títulos aqui nessa situação, nesses títulos aqui já nominais, estão os processos aqui, tá tudo, é pra o deputado "Zorik". Veio aqui, acertou com o governador, então o que o Interpi fez foi pedir o cancelamento porque o sistema é integrado..."

As pessoas citadas na gravação

Miguelão, a quem Orlando Torres se refere, é Miguel Omar Barreto Rissi, ex-prefeito de Parnaguá e atual correligionário de Wilson Martins. Miguelão tentou se eleger novamente prefeito daquele município em 2012, pelo PSB, partido do governador, mas teve sua candidatura indeferida pelo juiz eleitoral. A razão: Miguelão possui mais de 10 condenações no Tribunal de Contas do Estado e sofre 16 processos.

O Capital Teresina não conseguiu descobrir quem seria o deputado "Zorik" citado por Orlando. Quando ao Senador Osmar, mencionado, tudo indica se tratar de Osmar Fernandes Dias, ex-senador da República pelo Paraná (2003-2011), ex-secretário da Agricultura e ex-presidente da Companhia Agropecuária de Fomento Econômico daquele Estado.

A direção e a redação do Capital Teresina manteve contato com assessores do Governo do Estado do Piauí sobre a questão. Até o fechamento da matéria, nenhum informação foi recebida. Não conseguimos localizar o sr. Orlando Torres. Disponibilizamos o espaço para os esclarecimentos necessários.

    Fonte: Capital Teresina
    Foto: Divulgação
    Edição: Walter F. Fontenele/PortalPhb
    Postada dia 19/11/2013 às 21:47