Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil

Gerentes de BNB se reúnem com Mão Santa: na pauta, financiamentos para transportes coletivos municipais

Na manhã desta terça-feira (7) o prefeito de Parnaíba, Mão Santa, esteve reunido com os gerentes da agência local do Banco do Nordeste, Aurivaldo Araújo e Leonildo, com o objetivo de ouvi-los a respeito da possibilidade de financiamentos para aquisição de ônibus novos ou seminovos para a frota da COOPERTRANP (Cooperativa dos Transportes de Parnaíba), a fim de melhorar a prestação de serviços à população. Também participaram da reunião o secretário de Transporte e Trânsito, Maurício Machado Jr., o coordenador dos transportes coletivos, Aloísio Soares, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Edrivandro Barros, o vereador Carlson Pessoa, além dos representantes da Coopertranp, Tomaz de Souza e Gerivaldo Oliveira.

Mão Santa iniciou o encontro falando da importância da parceria já existente entre o Banco do Nordeste e a administração Municipal, principalmente no apoio ao pequeno empresário, através do Crediamigo e do Agroamigo, com a oferta de linhas de crédito que têm contribuído bastante para alavancar os pequenos negócios na região.

Coube ao secretário de transportes, Maurício Machado, expor aos dois gerentes do banco a necessidade da renovação da frota dos ônibus da Cooperativa de Transportes de Parnaíba, razão pela qual gostaria de ouvi-los da possibilidade da liberação de linhas de crédito para a aquisição de ônibus novos e/ou seminovos, para melhorar a qualidade do transporte público municipal.

Conforme explicou o presidente da Coopertranp, Tomaz de Souza, atualmente são 47 carros com 42 sócios, que há 20 anos, aproximadamente, trabalham no setor. "Quando assumimos a cooperativa existiam vários problemas. Hoje cada um dos cooperados vivem só do transporte e cada um cuida de seus transportes e da parte financeira de cada. Mas estamos atrasados, em termos de tecnologia, A gente quer melhorar os serviços", disse Tomaz, defendendo a necessidade de novos investimentos.

Tomaz também falou de projetos existentes que pretendem executar, como a implantação da bilhetagem eletrônica no transporte coletivo, "o que seria de extrema importância, porque atualmente nem todos os ônibus possuem catracas e não temos como saber, com exatidão, quanto é o faturamento da frota. Fazemos apenas estimativas", pontuou.

Após ouvir as exposições, o gerente Aurivaldo solicitou que fosse enviada ao banco a documentação da empresa, como o contrato social e estatuto, para que fosse feita uma análise mais rigorosa, a fim de definir formas de possíveis financiamentos para o pleito da Cooperativa. Ficou decidido ao final, que será marcada em breve uma nova reunião, quando a equipe do banco se deslocará até a sede da Cooperativa, para conhecê-la e lá definir, junto com os outros associados, as necessidades de todos e acertar as formas de possíveis financiamentos dentro do que eles pretendem.

Fonte: Blog do Bernardo Silva
Foto: Divulgação
Edição: Walter F. Fontenele/PortalPhb
Postada dia 08/07/2020 às 11:01