Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil


A pizza ficou para agosto mais o suco jÁ¡ estÁ¡ pronto

O processo que apura denÁºncias de que o vereador Bernardo Rocha (PSC), de ParnaÁ­ba, utilizou-se de “laranja” para receber dinheiro alÁ©m do seu salÁ¡rio de vereador, ainda nÁ£o foi concluÁ­do. A CÁ¢mara Municipal iniciou nesta sexta-feira (14) o recesso previsto no seu regimento deixando para o mÁªs de agosto a parte da investigaÁ§Á£o que inclui anÁ¡lise, pela ComissÁ£o de Á‰tica, do material remetido pela acusaÁ§Á£o e a tambÁ©m a defesa prÁ©via apresentada pelo vereador. “A Corregedoria da CÁ¢mara jÁ¡ se manifestou opinando pelo prosseguimento para que possam ser ouvidos o acusado e o acusador, quando cada um deles poderÁ¡ apresentar o que quiser em seu favor”, explicou o advogado e vereador Reinaldo de Castro Santos Filho, corregedor do poder legislativo de ParnaÁ­ba.

Ainda segundo Reinaldo Filho, o vereador Bernardo Rocha terÁ¡ que apresentar a sua defesa em reuniÁµes prÁ³prias da ComissÁ£o de Á‰tica no prazo de trÁªs sessÁµes ordinÁ¡rias quando os trabalhos da CÁ¢mara reiniciarem no mÁªs de agosto. Todos os procedimentos relativos Á  apresentaÁ§Á£o e anÁ¡lise de provas e depoimentos dos envolvidos serÁ£o abertos Á  imprensa, conforme garantiu o corregedor e presidente a comissÁ£o.
Depois de ouvir os dois lados e analisar os documentos acostados nos autos, a ComissÁ£o de Á‰tica encaminharÁ¡ o seu relatÁ³rio ao plenÁ¡rio da casa, formado pelos 17 vereadores. Neste documento serÁ¡ feita uma recomendaÁ§Á£o no sentido de absolver ou aplicar puniÁ§Á£o ao vereador Bernardo Rocha, dependendo da conclusÁ£o. A decisÁ£o final serÁ¡ do plenÁ¡rio que poderÁ¡ acatar ou rejeitar a recomendaÁ§Á£o da comissÁ£o encarregada de apurar os fatos alegados.


O CÁ³digo de Á‰tica da CÁ¢mara Municipal de ParnaÁ­ba prevÁª mais de um tipo de puniÁ§Á£o para o caso das denÁºncias contra Bernardo Rocha serem verdadeiras. “Em se provando algum deslize, algum crime por parte do vereador ele pode ser notificado apenas com uma advertÁªncia ou poderÁ¡ receber uma puniÁ§Á£o com perda temporÁ¡ria de mandato ou atÁ© cassaÁ§Á£o”, disse Reinaldo.

Abordado pelo a24horas.com, apÁ³s a sessÁ£o desta sexta-feira, o vereador Bernardo Rocha nÁ£o quis conceder entrevista. Mas prometeu que depois de concluÁ­das as investigaÁ§Áµes se manifestarÁ¡ sobre o assunto. O corregedor Reinaldo Filho nÁ£o se prolongou sobre o conteÁºdo da defesa recebida de Bernardo Rocha, mas adiantou: “O vereador nega veementemente que tenha praticado os fatos alegados, mas como nÁ³s temos uma pessoa que estÁ¡ acusando, para que possamos ser justos com o nosso trabalho a gente tem que ouvir testemunhas, ver documentos para que se possa fazer juÁ­zo de valor e o plenÁ¡rio se pronunciar”.

Crivo Nosso

Somente pessoas com uma ingenuidade acima do normal pode acreditar que esse processo vÁ¡ terminar em puniÁ§Á£o ao nobre vereador laranja, ou melhor, Bernardo Rocha.

A polÁ­tica brasileira estÁ¡ repleta de casos parecidos e atÁ© mais cabeludos do que esse, que sempre acaba em impunidade.

Quando o vereador Bernardo Rocha fez aquela ameaÁ§a velada aos seus colegas de casas, ele jÁ¡ sabia, assim como nÁ³s, que nÁ£o terÁ­amos como fazer um filme de faroeste, pois ali nÁ£o tem mocinhos, com algumas rarÁ­ssimas exceÁ§Áµes.

Portanto, nobres eleitores, esqueÁ§am essa histÁ³ria. Quanto ao vereador Bernardo Rocha e esse drama mexicano, tiramos alguma coisa de positivo: SÁ³ veremos novamente o nobre edil nas prÁ³ximas eleiÁ§Áµes quando ele bater em nossas portas Á  procura de votos. Essa serÁ¡ a oportunidade do povo fazer justiÁ§as pelas prÁ³prias mÁ£os.


    Fonte: A24Horas
    Foto: Divulgação
    Edição: Walter F. Fontenele/PortalPhb
    Postada dia 15/06/2013 às 08:33