Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil


PolÁ­cia procura lÁ­der de seita que teria queimado bebÁª vivo no Chile

A polÁ­cia chilena anunciou nesta quinta-feira (25) que deteve quatro membros de uma seita que teria queimado vivo um bebÁª de apenas trÁªs dias por crer que ele era o Anticristo.

Uma ordem de captura internacional para buscar o lÁ­der do grupo, que em fevereiro passado viajou ao Peru, foi emitida.
Segundo a PolÁ­cia de InvestigaÁ§Áµes do Chile (PDI), a seita matou o bebÁª na zona rural de Colliguay, uma pequena cidade da regiÁ£o de ValparaÁ­so, a cerca de 100 km de Santiago, em novembro passado.

Segundo o relato da PDI, o lÁ­der, que seria o pai da crianÁ§a, pediu Á  mÁ£e que entregasse o menino. Depois, o levou atÁ© uma pira e o lanÁ§ou sobre a fogueira que os discÁ­pulos haviam acendido.

Acredita-se que depois de queimÁ¡-lo vivo, os membros da seita permaneceram no local atÁ© 21 de dezembro para esperar o fim do mundo. Passada a data, abandonaram o lugar.
Entre os detidos estÁ¡ a mÁ£e do bebÁª, assim como outras duas mulheres e um homem. AlÁ©m disso, trÁªs pessoas permanecem foragidas, duas mulheres e um homem.

O lÁ­der da seita seria um homem de cerca de 35 anos, identificado como RamÁ³n Gustavo C.Gaete.

Este homem deixou o Chile em 19 de fevereiro rumo ao Peru e contra ele jÁ¡ foi emitida uma ordem de captura internacional.

As pesquisas comeÁ§aram depois que a polÁ­cia recebeu informaÁ§Á£o sobre uma crianÁ§a que nasceu em uma clÁ­nica de ViÁ±a del Mar, mas que nunca foi inscrita no Registro Civil.
Os quatro presos permanecem em um centro de reclusÁ£o em Santiago.

    Fonte: G1.com
    Foto: Divulgação
    Edição: Walter F. Fontenele/PortalPhb
    Postada dia 25/04/2013 às 18:32