Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil


Dia da Mentira – 1º de Abril

Tudo comeÁ§ou quando o rei da FranÁ§a, Carlos IX, apÁ³s a implantaÁ§Á£o do calendÁ¡rio gregoriano, instituiu o dia primeiro de janeiro para ser o inÁ­cio do ano. Naquela Á©poca, as notÁ­cias demoravam muito para chegar Á s pessoas, fato que atrapalhou a adoÁ§Á£o da mudanÁ§a da data por todos.

Antes dessa mudanÁ§a, a festa de ano novo era comemorada no dia 25 de marÁ§o e terminava apÁ³s uma semana de duraÁ§Á£o, ou seja, no dia primeiro de abril. Algumas pessoas, as mais tradicionais e menos flexÁ­veis, nÁ£o gostaram da mudanÁ§a no calendÁ¡rio e continuaram fazer tal comemoraÁ§Á£o na data antiga. Isso virou motivo de chacota e gozaÁ§Á£o, por parte das pessoas que concordaram com a adoÁ§Á£o da nova data, e passaram a fazer brincadeiras com os radicais, enviando-lhes presentes estranhos ou convites de festas que nÁ£o existiam.Tais brincadeiras causaram dÁºvidas sobre a veracidade da data, confundindo as pessoas, daÁ­ o surgimento do dia 1º de abril como dia da mentira.
Aproximadamente duzentos anos mais tarde essas brincadeiras se espalharam por toda a Inglaterra e, consequentemente, para todo o mundo, ficando mais conhecida como o dia da mentira. Na FranÁ§a seu nome Á© “Poisson d’avril” e na ItÁ¡lia esse dia Á© conhecido como “pesce d’aprile”, ambos significando peixe de abril. No Brasil, o primeiro Estado a adotar a brincadeira foi Pernambuco, onde uma informaÁ§Á£o mentirosa foi transmitida e desmentida no dia seguinte. “A Mentira”, em 1º de abril de 1848, apresentou como notÁ­cia o falecimento de D. Pedro, fato que nÁ£o havia acontecido.

Walt Disney criou uma versÁ£o para o clÁ¡ssico infantil PinÁ³quio, dando Áªnfase Á  brincadeira, mostrando para a crianÁ§ada o quanto mentir pode ser ruim e prejudicial para a vida das pessoas. Ziraldo, um escritor brasileiro da literatura infanto-juvenil, tambÁ©m conta histÁ³rias sobre as mentiras, atravÁ©s do tÁ£o famoso personagem, o Menino Maluquinho. Em "O Ilusionista", Maluquinho descobre o mal provocado por roubar, fingir e mentir.

Pregar mentiras nesse dia Á© uma brincadeira saudÁ¡vel, porÁ©m o respeito e o cuidado devem ser lembrados, para que ninguÁ©m saia prejudicado, afinal, a honestidade Á© a base para qualquer relacionamento humano.

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Equipe Brasil Escola

    Fonte: Portalphb,com.br
    Foto: Divulgação
    Edição: Walter F. Fontenele/PortalPhb
    Postada dia 01/04/2013 às 07:20