Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil


CE10 terÁ¡ preparaÁ§Á£o especial para fase decisiva da TaÁ§a Guanabara

Carlos Eduardo ficou em campo menos do que gostaria em sua estreia pelo Flamengo. Antes do clÁ¡ssico com o Botafogo, o meia-atacante disse que esperava jogar por 60, 70 minutos, mas disputou apenas a primeira etapa do jogo do domingo passado. Segundo o fisiologista ClÁ¡udio Pavanelli, o tempo abaixo da expectativa do jogador nÁ£o preocupa. Ao longo da semana, o camisa 10 serÁ¡ preparado para o jogo de sÁ¡bado, contra o Olaria, e principalmente para a fase decisiva da TaÁ§a Guanabara, jÁ¡ que o Rubro-Negro estÁ¡ classificado. A ideia Á© que CE10 chegue Á  semifinal muito perto da sua melhor condiÁ§Á£o fÁ­sica e pronto para decidir.

- Á‰ o nosso objetivo. Continuar o trabalho que ele tem feito, pois estamos no caminnho certo, dentro do cronograma. Ele poderia ter jogado mais (no clÁ¡ssico)? Poderia. Mas jogando mais tempo ele estaria mais exposto, Á© um jogador que ainda estÁ¡ em fase de preparaÁ§Á£o fÁ­sica. Eu acho que Á© uma questÁ£o de preservar um pouquinho e deixar o atleta pronto, agora que vamos entrar numa fase decisiva, ele serÁ¡ preparado para isso, para dar o mÁ¡ximo. Foi mais uma questÁ£o de prevenir e ir com calma.

Pavanelli explica que preservar nÁ£o significa tirar Carlos Eduardo de aÁ§Á£o. A intenÁ§Á£o Á© que a partir de agora ele recupere ritmo de jogo. Desta forma, deve estar em campo contra o Olaria.

- Quanto mais ele trabalhar em condiÁ§Á£o de jogo, melhor. Nesta fase um trabalho especÁ­fico para jogo Á© o mais indicado. Ao longo da semana, a gente conversa e avalia dentro do que temos de recuperaÁ§Á£o dos jogadores. O atleta sempre vai dizer que quer jogar. Se vocÁª perguntar, nÁ£o tem outra resposta. Depende de uma sÁ©rie de coisas, do que o Dorival estÁ¡ pensando, do que a comissÁ£o pensa, para que possamos usÁ¡-lo da melhor forma. Para esses atletas de nÁ­vel tÁ©cnico bom, uma maior quantidade de jogos Á© indicada. A nossa meta Á© deixar prontos todos os jogadores, Á  disposiÁ§Á£o da comissÁ£o tÁ©cnica.

O fisiologista diz que a condiÁ§Á£o fÁ­sica do camisa 10 Á© satisfatÁ³ria. Antes da estreia, Carlos Eduardo treinou no Flamengo por 20 dias, jÁ¡ que havia ficado dois meses sem jogar. Nos dois Áºltimos anos, o meia-atacante sofreu com problemas fÁ­sicos na Europa.

- Ele jÁ¡ participou de jogo, estÁ¡ em condiÁ§Áµes. Agora vai evoluir. Ele chegou ao clube num nÁ­vel bom, nÁ£o para jogo, mas melhor do que esperÁ¡vamos. E foi evoluindo muito bem. Tudo estÁ¡ caminhando dentro do que planejamos. O peso dele nunca foi problema para a gente. Nunca foi uma preocupaÁ§Á£o grande. Entrando no ritmo de jogos e treinos, entrarÁ¡ facilmente no peso ideal - comentou Pavanelli.

O Flamengo ocupa a primeira colocaÁ§Á£o do Grupo B da TaÁ§a Guanabara, com 19 pontos. O Rubro-Negro volta a campo neste sÁ¡bado, Á s 18h30m (de BrasÁ­lia), contra o Olaria, em Volta Redonda, pela Áºltima rodada da primeira fase.

    Fonte: Globo.com
    Foto: Divulgação
    Edição: Walter F. Fontenele/PortalPhb
    Postada dia 20/02/2013 às 09:56