Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil


Estudantes que fizeram o Enem 2012 jÁ¡ podem ver correÁ§Á£o das redaÁ§Áµes

s estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino MÁ©dio 2012 (Enem) jÁ¡ podem ter acesso Á  correÁ§Á£o de suas redaÁ§Áµes. Para acessÁ¡-la, o estudante deverÁ¡ acessar o site do Enem (http://migre.me/d8BKR), com o CPF ou o nÁºmero de inscriÁ§Á£o e a senha. As correÁ§Áµes terÁ£o apenas finalidade pedagÁ³gica, ou seja, nÁ£o serÁ£o passÁ­veis de recurso. Ao todo, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) foram corrigidas 4.113.558 redaÁ§Áµes, das quais 1,82% estavam em branco e 1,76% obtiveram nota zero. Os candidatos jÁ¡ tiveram acesso Á s notas, divulgadas no dia 28 de dezembro do ano passado.

No inÁ­cio do ano, estudantes de todas as regiÁµes do paÁ­s recorreram Á  JustiÁ§a para conseguir acesso Á  correÁ§Á£o antes do perÁ­odo de inscriÁ§Á£o do Sistema de SeleÁ§Á£o Unificada (Sisu), pelo qual instituiÁ§Áµes pÁºblicas de educaÁ§Á£o superior oferecem vagas a candidatos participantes do Enem. Casos como o de Thanisa Ferraz de Borba chegaram a ameaÁ§ar o cronograma do Sisu que, por decisÁ£o da JustiÁ§a Federal em BagÁ©, no Rio Grande do Sul, sÁ³ poderia encerrar o prazo de inscriÁ§Á£o apÁ³s o julgamento da aÁ§Á£o.

No entanto, os tribunais regionais federais das diferentes regiÁµes suspenderam as liminares que determinavam a vista antecipada dos espelhos de correÁ§Á£o, entendendo que o edital do Enem prevÁª apenas a vista pedagÁ³gica e que leva em conta rigorosamente o previsto no termo de ajustamento de conduta (TAC) firmado pelo MinistÁ©rio da EducaÁ§Á£o com o MinistÁ©rio PÁºblico Federal.

Muitos estudantes sentiram-se injustiÁ§ados. Thais Bastos obteve a nota 400 na redaÁ§Á£o do Enem. "No ano passado, tirei 700. Neste ano, estudei muito mais, nÁ£o posso ter ficado com essa nota", disse. AlÁ©m disso, ela comparou o que escreveu com redaÁ§Áµes disponÁ­veis em revistas e manuais, "As redaÁ§Áµes que receberiam a nota que eu tirei continham erros de portuguÁªs e um vocaubulÁ¡rio infantil". Ela foi uma das que levaram o caso Á  JustiÁ§a e chegou a ganhar o direito da vista antecipada, atÁ© que o ministÁ©rio recorreu e venceu.

Thais deseja cursar engenharia quÁ­mica na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), instituiÁ§Á£o cujo ingresso Á© feito, para a maior parte das vagas, apenas pelo Sisu, com base na nota do Enem. Como o exame Á© anual, no segundo semestre a estudante concorrerÁ¡ com a mesma nota que, segundo ela, Á© insuficiente. Mesmo que nÁ£o esteja previsto no edital do exame, ela pretende entrar novamente com recurso, caso discorde da correÁ§Á£o.

Ela nÁ£o estÁ¡ sozinha. No Facebook, mais de 3 mil ususÁ¡rios apoiam a pÁ¡gina AÁ§Á£o Judicial - Enem. No espaÁ§o, trocam experiÁªncias e pedem modelos mais transparentes de seleÁ§Á£o.

Em nota, o MEC diz que os "critÁ©rios de correÁ§Á£o das redaÁ§Áµes do Enem foram aperfeiÁ§oados e sÁ£o mais rigorosos". Segundo a pasta, os textos produzidos pelos candidatos passaram por dois corretores de forma independente e foram avaliados segundo cinco itens de objetividade. Caso haja diferenÁ§a maior que 20% na nota final entre esses dois corretores, a redaÁ§Á£o Á© lida por um terceiro corretor. E se, ainda assim, a discrepÁ¢ncia persistir, ou seja, a diferenÁ§a entre as trÁªs notas for superior a 200 pontos, a dissertaÁ§Á£o passa para uma banca examinadora composta por trÁªs professores avaliadores, que dÁ£o entÁ£o a nota final ao participante.

Os cinco itens de competÁªncia avaliados foram: domÁ­nio da lÁ­ngua portuguesa, compreensÁ£o do tema proposto, capacidade de selecionar e organizar ideias, demonstraÁ§Á£o de conhecimento dos mecanismos linguÁ­sticos necessÁ¡rios para a construÁ§Á£o da argumentaÁ§Á£o e apresentaÁ§Á£o de soluÁ§Á£o para a proposta dissertativa. Cada um dos corretores atribuiu nota atÁ© 200 pontos para cada uma dessas competÁªncias. Havendo discrepÁ¢ncia maior que 80 pontos em cada uma das competÁªncias, o terceiro corretor avalia e atribui notas segundo o mesmo critÁ©rio.

    Fonte: Estadão
    Foto: Divulgação
    Edição: Walter F. Fontenele/PortalPhb
    Postada dia 06/02/2013 às 13:48