Portalphb - Portal de Notícias de Parnaíba,Piauí,Brasil


GSP pede mudanças no corte de peso do MMA: ``Um dia alguém vai morrer``

O corte de peso é uma das principais críticas no mundo do MMA, através do argumento de que a redução de muitos quilos em poucos dias seria muito prejudicial para o corpo humano. Membro da Associação de Atletas de Artes Marciais, Georges St-Pierre faz coro contra os procedimentos bastante populares hoje no esporte. Para o canadense, os atletas precisam adotar novos métodos para que a saúde e a vida sejam preservadas.

- Não sou fã do corte de peso. Acho que isso precisa ser mudado, porque um dia alguém vai morrer. Um dia alguém vai morrer, e isso vai afetar todos nós. É muito ruim para a saúde. Existe uma certa porcentagem de desidratação no corpo que é crítica, você pode morrer se passar desse ponto. É muito perigoso - afirmou o ex-campeão meio-médio ao UFC Unfiltered Podcast.

St-Pierre destacou que não se submete a qualquer situação pensando na luta, e também criticou o método de pesagem na manhã anterior à luta, por acreditar que os atletas acabam participando de procedimentos ainda mais agressivos ao corpo.

- Minha saúde está acima da minha performance. Acho que a nova pesagem na manhã do dia anterior da luta é uma coisa ruim. Porque é vista como uma oportunidade de cortar mais peso. Então, acho que não é bom. Eu disse a Dana, quando o vi, que não via positivamente - completou.

Originalmente dos pesos-meio-médios, Georges St-Pierre vai precisar fazer o caminho inverso para sua próxima luta, em vez de emagrecer. Na categoria de cima, GSP enfrentará Michael Bisping pelo cinturão dos pesos-médios do UFC. O confronto vai acontecer no segundo semestre de 2017, ainda sem data marcada.

Fonte: Combate.com
Foto: Evelyn Rodrigues
Edição: Walter F. Fontenele/PortalPhb
Postada dia 14/03/2017 às 14:25